17 de jul de 2016

Ave perdida

E toda musica e som, todo brilho e poesia você trouxe para mim.
Parece que ainda posso te sentir cicatrizando feridas antigas.
Libertando... Curando... Mostrando que coisas boas podem acontecer.
Eu ouvi tua voz e o deixei entrar.
Você veio como a brisa suave no verão.
Trouxe paz, amor, paixão.
E eu quis te pertencer.
Insanidade das maiores entregar o coração a alguém.
Dizer: Sou tua!
Adiantaria te dizer agora que sou uma garota diferente?
De todo modo você acharia loucura um amor assim, 
O amor é bom, mas as vezes dói demais.
No fim, eu ainda seria "a louca".
E tu correrias o mais longe quanto possível de mim.
E eu... Ave ferida e sem ninho. Devo voltar a alçar voos.
Mas olho para o céu e só vejo o teu sorriso.
Nem ao menos sei para que direção devo voar...
Para onde devo ir?
Em que fio de nuvem vou pousar?


4 comentários:

  1. Quando se está perdido é que se encontra o lugar certo para ficar

    ResponderExcluir
  2. Como assim perdida?
    Bons ventos vão trazer paz ao seu coração!
    Beijo

    ResponderExcluir

Me conta tua impressão sobre o que leu, que eu te conto o que tua impressão me causou.

Posts Relacionados