2 de mai de 2016

Mais uma noite sem dormir



Olhos abertos procurando lembranças, ontem mesmo ouvi a tua voz me chamando no escuro.
Eu me perco contando pensamentos.
Onde você estará? 
Que bocas resolveu beijar?
Será que pensa em mim? 
Consegue dormir a noite?
Temo que nunca mais eu consiga. 
Quando você partiu levou meu sono mais tranquilo. Meu sonho mais bonito.
Tenho andado em círculos desde então. Sempre voltando para o abismo silencioso da tua ausência.
O vazio que você deixou ocupa espaço demais aqui dentro. Galga meus recônditos secretos, rouba partes importantes de mim.
A cada dia vejo menos minha essência e mais a tua falta. Essa enorme projeção do nada que alimenta o monstro da minha insônia.
E eu só queria dormir... Só dormir.

Um comentário:

  1. Triste saudade, cheia de questionamento e a insônia é produtiva, pois originou lindo texto! bjs, chica

    ResponderExcluir

Me conta tua impressão sobre o que leu, que eu te conto o que tua impressão me causou.

Posts Relacionados