4 de fev de 2012

Olá viajantes!

Cá estou novamente. Eu pensei e repensei se deveria escrever esse post, porque escrever esse post é meio que dá ibope a quem não merece. Mas ao longo desses quase três anos, muitos de vocês tornaram-se mais que leitores, muitos são conhecidos queridos e alguns eu tenho o privilégio de considerar amigos.
Essa semana estava pesquisando na net e encontrei um blog interessante, ele tinha um visual clean e uns textos bem legais, ao ler os textos eu pensei com meus botões: “poxa isso é exatamente o que eu penso” “poxa eu escreveria exatamente assim” “acho que já escrevi algo parecido” batata! Todos os textos desse blog eram meus ¬¬”””
Fiquei roxa de raiva, nem pra colocar o link do blog ou ao menos creditar a autoria? Se até eu por alguns instantes não reconheci meus próprios textos, imagine quem nem sabe que eu existo?  Saí numa caçada e encontrei vários textos, poemas e frases do blog espalhados e descobri que esses plagiadores são chamados de kibadores.
Claro, nem todos são maliciosos, alguns são novos na blogosfera e não sabem que isso não é legal (em todos os sentidos), algumas das pessoas com quem eu falei foram simpáticas pediram desculpas e retiraram o post do ar. Outros pediram autorização pra deixar e colocaram o link do blog e a autoria. Eu autorizei e ficamos na paz.
Mas houve casos em que a pessoa se negou a colocar o meu nome no meu próprio texto e a retirar o post do ar, casos de pessoas que nem se dignaram a me responder e caso de pessoas grossas que argumentaram que se eu quisesse a autoria respeitada fizesse um livro, não um blog e que meus textos não eram tão bons assim. Bah!
Não estou buscando aceitação, o Reticências... Existe para que eu me expresse como me sentir a vontade para tal. Se eu quisesse ibope ou estivesse desesperada por atenção existem meios de aumentar os seguidores, mas sempre fiquei feliz com os que tenho, porque sei que estão comigo porque de alguma forma há liga entre nós.
Pois bem, vocês devem ter percebido que retirei do “Reticências...” a opção de selecionar e copiar texto, fiz isso para tentar evitar aborrecimentos. Isso não impede para sempre que pessoas mal intencionadas me copiem, mas pelo menos dá mais trabalho. Rá!
Além disso, aviso que textos não autorizados serão denunciados ao blogger e retirados do ar, se forem encontrados blogs, como o dessa pessoa fofa (que apesar de não achar meus textos tão legais TODO o blog dela só tinha textos meus) o blog será retirado do ar. Isso não sou eu quem diz, é a política do blogger e uma lei muito legal. A lei 9.610.
No entanto, se quiser autorização para postar algo daqui é só entrar em contato com esta pessoa que vos fala, no menu contato ou logo abaixo das postagens. Eu estou quase sempre online e posso mandar o texto por e-mail.




Ps: Caso tenha sido plagiado também, entre em contato com a pessoa e tente esclarecer tudo.
Se nao tiver entendimento: o link pra denunciar o plágio no blogger --> aqui e no Wordpress.com --> aqui

Milhões de beijos

15 comentários:

  1. Caramba! ainda temos que passar por isso...
    Um beijo

    ResponderExcluir
  2. Ju, me identifico bastante com teus textos. Sou sua fã!
    Se precisar desabafar com alguém que não conhece (às vezes, isso é ótimo), pode contar comigo.
    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lucy

      Que coisa boa! Fiquei encantada com suas palavras. Claro... Vamos sim conversar qualquer dia e aí passaremos a nos conhecer. Quem sabe sermos amigas? rs

      Abraço

      Excluir
  3. Muito bem, o plágio é uma ameaça constante aos blogueiros. Bom saber que há a possibilidade de tirar esses blogs do ar.

    Um abraço

    ResponderExcluir
  4. Esqueci de dizer que cheguei até aqui por meio da Elaine, do blog Um Pouco de MIm.

    bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda bem nao é Paty? Poxa, acho uma falta de delicadeza, tao grande!
      Adoro o blog da Elaine, ela escreve bem, tem um humor incrível e ainda uma paciencia com a gente. Só de vim da Elaine já sei que tem bom gosto rs.

      Abraços

      Excluir
  5. É verdadeiramente o plágio é algo muito ruim, e gostei das suas informações são realmente valiosas.
    Achei seu blog por meio do blog da Elaine(Um Pouco de mim)
    Beijinhos.

    http://blogdapatty16.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Patty16

      Que bom que de alguma forma eu ajudei. Vindo da Elaine tá em casa rs
      Espero que venha mais, a porta tá aberta, pode entrar que a casa é nossa.

      Abraços carinhosos

      Excluir
  6. Olá, Juliana, tudo bem??

    Descobri seu blog através do blog da Elaine, e olha... Me identifiquei muito com seus escritos e seu blog é daqueles que prendem a gente. Me identifiquei muito com seus pensamentos.

    Fiquei chocado com esse seu post!!! Como pode a pessoa COPIAR TUDO e ainda achar que tem razão?! ¬¬º Ridículo!! Ter o blog retirado é pouco! Ela deveria ser proibida de acessar internet! rs Estou na blogosfera há pouco mais de um ano e isso, graças a Deus, ainda nunca me aconteceu. E espero que nem aconteça!

    Abraço do Viny

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Vinicius, tem de tudo nesse mundao de nosso Deus! rsrs Quer dizer que rolou uma identificaçao? Coisa boa!
      Olha espero que nao passe por isso, mas se passar respire fundo, e siga com a vida, o que a gente nao pode é parar!

      Abraço carinhoso

      Excluir
  7. Oi Juliana,
    Há poucos dias eu escrevi um texto sobre as mudanças em nossas vidas (http://dilti.blogspot.com/2012/02/os-desafios-da-mudanca.html) e ao posta-lo senti vontade de citar um texto de nome "Mude". Eu achava que este texto era da Clarice Lispector, embora nunca o tenha lido em nenhum de seus livros. Foi aí que descobri um suposto caso de plagio. Há um escritor de nome Edson Marques que jura ser o autor do poema, inclusive está brigando na justiça há muitos anos, pois o filho mais velho da Clarice vendeu este poema para a agência de propaganda que fez o comercial dos 25 anos da Fiat no Brasil.
    Que história louca, não é??
    Quem será que começou a divulgar este poema na Internet como sendo da Clarice??
    Ou será que o Edson Marques está mentindo? Mas ele mostra na Internet muitos documentos que provam ser ele o autor do texto.
    O filho da Clarice Lispector ganhou muitos milhões ao vender os direitos autorais da sua mãe.
    Espero que o plagio de suas obras não lhe causem muitos danos, se bem que o pior mesmo são os danos morais causados pelo roubo de suas criações intelectuais.
    Sou muito nova na blogosfera e ainda não tomei providências para me proteger de pessoas maliciosas, sem ética, que não respeitam os direitos alheios. Gostei da sua ideia de bloquear a função copiar/colar, mas ainda não sei fazer.
    Adorei seu blog. Boa sorte!
    Abraços,
    Dilti

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito confusa mesmo essa história, Dilti. Tomara mesmo que nunca meus textos me causem essa dor de cabeça.
      Mas plágios a parte, que bom que vc chegou até aqui. É um prazer, viu?

      Abraços carinhosos

      Excluir
  8. Oi Ju, te vi na Elaine...

    ja passei por isso uma vez e foi horrivel. è mt desagradável dar de cara com coisas que sao suas, sendo usadas como se nao fossem.
    Tomei todas as providencias que vc tomou. Ajuda mt mesmo. Acabar mesmo com essa palhacada e mau caratismo, nao acaba, bandidinhos sempre dao um jeito de sacanear com os outros, mas ajuda, diminui pelo menos.

    Vc escvre como Elaine disse, lindamente.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Nina, na ocasiao foi uma dor de cabeça daquelas... Mas temos que prosseguir nao é?
      Ora obrigada pelo lindamente (#^.^#)
      Espero que esteja aqui mais vezes, é um prazer.

      Abraço carinhoso

      Excluir

Me conta tua impressão sobre o que leu, que eu te conto o que tua impressão me causou.

Posts Relacionados