19 de dez de 2011

E de agora em diante...



Não importasse o que tivesse no caminho,
Eu encontraria flores...
Mesmo que vasto o céu, teria ninho.
Ainda que grandes as dores...
E ainda que um ser inconstante,
Seria bálsamo para alguém.
E de agora em diante,
Todos os rumos me levariam ao bem.

*´¨)
¸.•´¸.•*´¨) ¸.•*¨)
(¸.•´ (¸.•`ღ*

16 comentários:

  1. Respostas
    1. E eu feliz demais por ser lida por ti!
      :)

      Milhoes de beijos

      Excluir
  2. Respostas
    1. Um dia chego a sua altura hehehe

      Milhoes de beijos

      Excluir
  3. Pois o bem é beeeeem maior!
    ;D

    Beijocas Ju
    Super feliz Natal e um 2012 lindooooo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Graças a Deus, nao é Cah?
      Um 2012 abençoadooooo pra nós!

      Milhoes de beijos

      Excluir
  4. "A Melhor mensagem de Natal é aquela que sai em silêncio de nossos corações e aquece com ternura os corações daqueles que nos acompanham em nossa caminhada pela vida."

    Beijos!!! Um Feliz Natal!!

    ResponderExcluir
  5. OIeeeeee amiga...venho lhe desejar Feliz Natal e um enorme abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Jose!

      Desejo-te sempre o dobro

      Milhoes de beijos

      Excluir
  6. Olá, amiga

    Passei para desejar um ótimo natal e um novo ano cheio de felicidade

    Grande abraço

    Runa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, pra nós todos!
      Milhoes de beijos

      Excluir
  7. Juliana...
    Em primeiro lugar quero que o Natal seja para você cheio de muita Luz, Paz e Amor!
    Adorei teu Blog, "de agora em diante" estarei por aqui para te ler e abraçar!
    Seja Feliz!
    PS: Você me visitou em Gaivota 22, num momento que eu precisei demais, o que me foi muito importante!!! - http://gaivota22.blogspot.com/
    Agradeço com todo meu coração!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa fico feliz em saber disso viu?
      A casa está aberta, entra e fique a vontade.

      Milhoes de beijos

      Excluir
  8. Não importasse o que tivesse no caminho,
    Ele carregava consigo as suas dores,
    Até que do céu chegou nele passarinho,
    Contando como regar o Amor de suas flores.
    E ainda que um ser inconstante,
    Soube entre os amargos, ser ele doçura também.
    E ao final do capítulo que se via diante,
    Toda história desagua no bem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que lindo Guilherme!

      Já tinha percebido que nossos textos dançam...
      E como vc escreve bem moço!

      Milhoes de beijos

      Excluir

Me conta tua impressão sobre o que leu, que eu te conto o que tua impressão me causou.

Posts Relacionados