2 de jul de 2011

Disfarces...

Há dores compreendidas apenas por quem as carrega. E é utópico demais querer que outro entenda um sofrimento que você faz questão de esconder.
Tenho feridas na alma que se pudessem ser vistas a olho nu, causariam ojeriza ao mundo. Por isso as enfeito com fita e as disfarço com graça.
Tenho dores que gritam incansavelmente: Ai!
 Enquanto eu danço pelo mundo e canto uma coletânea de cantigas serenas e tranquilas para esconder minhas cicatrizes.
 Porque pessoas deformadas vivem em pequenas ilhas vazias, não são aceitas! E eu tenho deformidades grotescas nesse coração, partido, que carrego no peito...

11 comentários:

  1. Dá pra entender ...Desabafo profundo e forte, lindamente escrito,Juliana! beijos,ótimo domingo,chica

    ResponderExcluir
  2. E como sei o que é isso...

    Difícil de a si próprio compreender!

    ResponderExcluir
  3. Bom de estar em teu espaço, bem agradavel, parabéns!

    ResponderExcluir
  4. Melhor ainda encontrar uma nordestina!

    ResponderExcluir
  5. Olá Juliana
    De anda adianta apregoarmos nossa dor ao mundo. Só nós sabemos o seu tamanho, e temos que acalmá-la sozinhos.
    Boa semana
    Bjux

    ResponderExcluir
  6. Muito bom voltar aqui amiga.

    Obrigada pelo seu carinho, sua companhia.

    Bom domingo!

    beijooo.

    ResponderExcluir
  7. Talvez por isto só sabemos o quanto alguém amadurece quando sabemos o quanto sofremos.
    beijos minha querida

    ResponderExcluir
  8. Bom dia...minhas cicatrizes ficaram escondidas por debaixo dos meus disfarces, como poetisa, consigo ser uma pessoa multifacetada e assim, driblo os momentos de sofrimentos escrevendo e desabafando em meus textos...Mas assim, e a vida, e temos que vive-la mesmo que escondendo nossas cicatrizes...bjin e bom domingo pra ti

    ResponderExcluir
  9. Como disse o Régio..."há coisas que terei pudor de contar seja a quem for!"
    Há dores que são só nossas... impartilháveis!

    ResponderExcluir
  10. JU, entendo totalmente isso, parece que vc escreveu sobre mim! mas no fundo todo mundo tem suas dores escondidas

    ResponderExcluir

Me conta tua impressão sobre o que leu, que eu te conto o que tua impressão me causou.

Posts Relacionados