26 de mai de 2011

Último abraço


Se um pedido eu pudesse ter
Ia querer um último abraço.
Ser inteira e não um pedaço
De alma livre a fenecer.

Que fosse cálido e apertado
Como aquele que me deu.
Entre livros e um certo breu,
Consumido de significado.

E eu, Princesa noturna e alada,
De riso solto, de doce gesto.
Sentir-me-ia completa e amada

E tu, confuso cavaleiro...
Duro e de orgulho manifesto,
Torna-se ia também inteiro.

Juliana Lira

6 comentários:

  1. lindo, a dor da despedida passa pelas suas palavras
    abraços

    ResponderExcluir
  2. Passa mesmo viu,amigo?
    Vc captou a essencia destas linhas...

    Milhoes de beijos

    ResponderExcluir
  3. Juliana querida, primeiro obrigado, o sorriso alheio emociona-me, eu sou um solitário, apesar dos muitos amigos, sou um apaixonado pela solidão, o teu comentário em esboço sobre poesia emocionou-me. Apesar de tudo faço uma consideração, você é uma grande poeta, pois quem é o nosso primeiro leitor senão nós mesmos, se a dor que dizem está na minha escrita é possivel, é porque eu a sentir antes, assim como a saudade está no teu poema.
    Acredito que a vida é tragica, mas vale a pena ser vivida pela beleza dos amigos, da poesia, dos instantes. Apesar de eu ter sofrido eu aprendir que mesmo na tristeza e nas lágrimas é possivel ir além, despir o cinza.
    Obrigado ju pela companhia maravilhosa de sempre, se a poesia te salva já basta. Pois a humanidade começa em você, em cada um de nós.
    beijos e Bom dia querida

    ResponderExcluir
  4. Lindo comentário!

    Quando já se diz tudo, como vc fez aí em cima,melhor silenciar...


    "Acredito que a vida é tragica, mas vale a pena ser vivida pela beleza dos amigos, da poesia, dos instantes."

    Milhoes de beijos

    ResponderExcluir
  5. ai ai que coisa mais linda...li e fiquei suspirando...eu precisava dessa leveza minha amiga! Ler algo singelo e tão lindo me fez bem!

    ResponderExcluir
  6. Olá Juliana!
    Retribuindo sua doce visita...
    Adorei o poema!

    bj de luz,
    .
    LiZa

    ResponderExcluir

Me conta tua impressão sobre o que leu, que eu te conto o que tua impressão me causou.

Posts Relacionados