20 de mar de 2011

Premonição?


Psiu! Ei você.
Sei que isso parece loucura. E talvez seja mesmo... Mas desde quando você foi uma pessoa cem por cento sã? Até onde eu sei, você é completamente diferente, insana mesmo! Então talvez seja até uma boa ideia isso que vou fazer:

Você está prestes a abrir seu coração de novo. Vou te dizer com todas as letras: Não faça isso! Você não deve confiar seu coração a essa pessoa. Não abra as portas pra ele. Ele é um oceano de segredos e você sabe bem o que ele esconde. Não é que seja má pessoa, se fosse má, você nem sequer pensaria em entregar o coração.

 Mas vai te fazer sofrer tanto, que você nem imagina! Se você parar de ler esses torpedos agora e me dê atenção...  Por exemplo, nesse ultimo ele diz: “você nunca vai estar sozinha de agora em diante”, “você nunca vai estar sozinha. Vou te abraçar até a dor passar”. Não acho que esteja mentindo, talvez ele fique e te abrace até a dor passar e então... Partirá deixando você com uma dor ainda maior.

 Ele precisará ir, vai precisar salvar as coisas, você sabe que isso de “quero sair daqui”, “faço qualquer coisa pra ficar com você” “amo você mais que tudo” é irreal! Você não imagina a facilidade com que ele irá embora sem nem ao menos olhar pra trás. Eu sei que ele diz que você é real, que é tudo real, mas pelo amor de Deus, acredita em mim. Não é real! O tempo mostrará o que é e o que não é real.

Sim, é verdade, ele é sincero com você. E sim, eu também não entendo isso. Sim, quando ele sorrir tudo se ilumina, vejo isso também. Sim, ele tem realmente uma voz perfeita. Sim, os olhos dele são verdadeiros. Sim, ele tem uma alma linda, uma boca linda... Sim, eu também sinto que pode ser ele...

Mas apesar de tudo isso: Esse moço ter entrado no teu mundo, dançado a tua musica, nadado na tua cachoeira, se você abrir teu coração, se confiar nele, eu sei que ele te fará sofrer! Eu não sei como. Como uma pessoa tão doce pode fazer alguém sofrer? Como alguém que parece te amar tanto, poderá te deixar? Eu não sei! Queria saber. Assim iria garantir que você ficasse longe dele.

No entanto, ele fará! Você pra ele é só um desenho em grafite. Um dia (não demorará muito) ele apagará você da vida dele e seguirá em frente. E então você vasculhará as coisas e encontrará esse aviso. E o que você vai fazer? Olha, eu gostaria muito de ter a resposta pra isso, gostaria muito...


Escrito por Juliana Lira
em algum dia de outubro de 2010,
para uma parte de si mesma 
que morreu.

Um comentário:

Me conta tua impressão sobre o que leu, que eu te conto o que tua impressão me causou.

Posts Relacionados