10 de nov de 2010

Odeio você!


FOTO: Google imagens
ESCRITO por Juliana Costa de Lira
Sempre fui de fases, sou complicada e insana. Há dias em que os passarinhos cantam mesmo na minha janela, mas há dias em que eles desaparecem, entende?Eu gosto da chuva e de sair me molhando pela rua. Das coisas que eu acredito poucas são unanimidades, das coisas que amo poucas me deram motivos pra serem amadas, das coisas que me sustentam poucas são reais.

Sou delirante! Me jogo em uma gota d’água como se fosse o próprio Oceano e coloco todo o oceano na palma de minha mão. Mas dentro da minha incoerência, dentro dessa minha explosão de loucura, há uma linha tênue que me mantém colada ao chão. Um pequeno resquício de sanidade, de razão.

E é por esse motivo que eu te odeio...

Você desconstrói todos os meus conceitos e desfaz qualquer lógica. E me irrita, e me entorta e me faz fazer coisas infantis e tolas... E então eu já não sei mais quem eu sou ou como.Te machuco e dói aquela dor que não se sabe bem o porquê. E me sinto uma tola, idiota, infantil, enfurecida!

Vou te odiando aos poucos em pequenos pedaços, de maneira amena, quase imperceptível. Odiando o jeito como sorri, esse jeito doce e incrível de me tranqüilizar, odiando quando canta (porque me encanta), por vezes querendo te bater por ser assim: “Gente grande”. Um adulto cheio de responsabilidades, tão serio, tão retinho!

E eu menina mimada e torta!Que diz o que sente que sorri de tudo... Infantil e boba. Ah como eu odeio você, garoto insuportável! Olhar você todo arrumadinho me dá vontade de chegar perto e te desnortear, assanhar teu cabelo, desensacar tua blusa, te fazer gargalhar!

É por isso!Por isso que eu te odeio tanto. Porque por mais que eu tente e te odeie (e eu odeio!). Eu não consigo nem por um segundo deixar de te amar!

*´¨)
¸.•´¸.•*´¨) ¸.•*¨)
(¸.•´ (¸.•`ღ*

6 comentários:

  1. ai ai o amor é mesmo um sentimento contraditório né? Mexe com nossos conceitos e nosso jeito de ser.

    ResponderExcluir
  2. ...
    Contradições da vida.
    Abraço Juliana.
    ...

    ResponderExcluir
  3. Ah linda, desculpe... mais esse post me fez lembrar um trecho de uma música brega de uma cantor popular:

    "Quanto mais eu tento te odiar, mais te quero bem..." rs

    E é assim mesmo.

    Bjs
    Mah

    ResponderExcluir
  4. Ahhh!!!o amor é td.de bom...viver o amor é melhor ainda...belo poema!!!!amei!!!beijos queridaaa!!

    ResponderExcluir
  5. Muito bom, viu?
    Amor é ódio são iguais, dizem... E quando a gente ama, sem querer começamos a odiar também.
    Parabéns pelo texto :)

    ResponderExcluir
  6. Querida amiga

    Penso que o oposto do amor
    é a indiferença.
    Se amamos ou odiamos,
    é porque algo de muito
    forte permanece vivo em nós.

    Sua amizade é preciosa para mim.

    ResponderExcluir

Me conta tua impressão sobre o que leu, que eu te conto o que tua impressão me causou.

Posts Relacionados