22 de out de 2010

É você...

FOTO: Google imagens
ESCRITO por Juliana Costa de Lira
Está chovendo mel lá fora.
E aqui dentro chove felicidade,
É esse instante de insanidade,
Que me faz tão feliz agora.

Eu tentei de tantas formas
Encontrar um meio de evitar,
De fugir, de não te olhar,   
De seguir as minhas normas.

E agora já sem jeito,
De negar isso que eu sinto,
Esse sentimento faminto,
Que trago no fundo do peito...

Confesso meu crime de morte:
Que outrora procurei encontrar
Aquela pessoa a quem amar,
E me deparei com tal sorte.

Que mesmo com medo do sofrê,
O coração descompassado,
Por esse teu Jeito todo errado:   
Aquela pessoa... É  você!

*´¨)
¸.•´¸.•*´¨) ¸.•*¨)
(¸.•´ (¸.•`ღ*

6 comentários:

  1. Algumas centenas de quilômetros não me impedem de afirmar que a cada dia que passa me sinto mais perto...
    ESOAC

    ResponderExcluir
  2. Nossa amiga que coisa lindaaa!!!isso que eu chamo de estar apaixonadaaaa!!!belo poema!!amei!!
    vc.arrasa em seus posts!!um fds.cheio de alegrias!!!beijos menina lindaa!!

    ResponderExcluir
  3. Hummm..será que tá apaixonada? Seus textos andam cheio de mel! rsrsrs...to adorando!

    ResponderExcluir
  4. Estou sentindo no ar um (que) de paixão... muito lindo ju bjssss

    ResponderExcluir
  5. Olá Julina, adorei seu blog., estou de seguindo..


    Beijoss!

    ResponderExcluir
  6. Ju querida quão grande e belo é amor quando este surge em nossos corações.

    ResponderExcluir

Me conta tua impressão sobre o que leu, que eu te conto o que tua impressão me causou.

Posts Relacionados