1 de fev de 2010

E então você vai entender?

 

Escrito por Juliana Lira

Que eu sigo as mesmas fases que a maré,
Que eu  danço tango nos declínios da vida,
Que dentro de mim mora a paixão desmedida,
E que por aqui nada que parece é.

Vai descobrir que reclamo aos berros e canso,
Que derramo um mar de lágrimas desvairado,
Que em um segundo tenho o coração descompassado,
Para em seguida tê-lo batendo calmo e manso.

Porque sou ao mesmo tempo: Ave, Fogo e Lua.
Como quem tece um fio de estrelas, crio laços,
Como um castelo de cartas ao vento, eu os desfaço,
Assim  mantenho o peito aberto e a alma nua.

Mas... Deixe-me desenhar a resposta dessa questão:
É quando pensas que não consigo nem ao menos andar,
Que saio das cinzas e me ponho a voar!
Sou um campo vasto demais para sua compreensão...

18 comentários:

  1. Olá,primeira vez de vim lhe visitar e fiquei maravilhada com tantos poemas e palavras bem escritas,vou te seguir,bjos

    ResponderExcluir
  2. Gostei da questão. Auto estima em cima,nas alturas! Uma beleza viu!Você é mesmo fogo que transforma a ave que voa livre e a lua que é ternura e emoção.Parabéns, amei esse poema,como todos é claro! Montão de bjs e abraços

    ResponderExcluir
  3. Sempre bom ter e encontrar forças sempre pra seguir,,pra lutar,,nunca, jamais desistir....beijos e um belo dia pra ti.

    ResponderExcluir
  4. A Fenix vive eternamente, assim como o amor que guardas no coração.
    E penso que sou assim como tu, moça, esse vive e morre para tentar sobreviver aos percalços da vida.

    Queria agradecer seus comentários no blog, fico muito, muito feliz. De verdade.

    =)

    ResponderExcluir
  5. Menina!
    Eu sempre me encanto com seus textos! parabéns!!

    ResponderExcluir
  6. Ju,

    És mar de lágrimas,
    És bailarina da vida
    És ave, fogo e lua,
    És vasta e intensa
    És para quem te merecer.

    Beijos meus,
    Inês

    ResponderExcluir
  7. Amoreco, Parabéns... para mim um dos textos mais lindos que você já postou aqui, perfeita a imagem!
    "...Mas... Deixe-me desenhar a resposta dessa questão:
    É quando pensas que não consigo nem ao menos andar,
    Que saio das cinzas e me ponho a voar!
    Sou um campo vasto demais para sua compreensão..."

    MARAVILHOSOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

    Bjinhos da Madrasta!

    ResponderExcluir
  8. PS.: Coloquei este trecho no meu facebook, espero que não se importe! com os devidos créditos claro!

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  10. Olá.

    Vim conhecer o seu espaço de idéias e sonhos, e
    encontrei muita ternura e afeto em cada postagem.

    Quanto a este texto acredito que somos muitos em um só, e desses muitos que se unem nasce o que chamamos de Eu, com suas forças sempre superando suas fraquezas e nos reconstruindo a cada dia.

    Parabéns pelo espaço.

    ResponderExcluir
  11. Que paulada!! rsrs....gostei!! escreve muito bem!!

    ResponderExcluir
  12. Poetisa Juliana


    sentimentos de uma Fenix...renasce em cada amor.

    ResponderExcluir
  13. Um beijo carinhoso e uma bela quarta feira pra ti querida amiga.

    ResponderExcluir
  14. ju...
    você é a ternura em forama de anjo, viu?
    obrigada pelo carinho...
    vôe sempre para alegrar os corações!
    lindo e forte esse poema, como voCê realmente é...
    amo sua amizade!

    ResponderExcluir
  15. Pelos caminhos da vida (Aninha)
    Um dia eu chego lá rsrsrs

    Viajenaleitura
    Seja mil vezes bem vinda, pode sentar e tomar um café, a casa é sua!

    Elaine Barnes
    Sabe?Auto-estima não é meu forte... auto-preservação sim rsrsrs.Obrigada pelo carinho, vc é um anjo.

    Everson Russo
    É verdade!Encontrar essa força quando parece que vamos sucumbir é um milagre...

    Ana Cristina Cattete Quevedo
    Que bom então, somos duas Fênix. Nem precisa agradecer é de coração

    Babado de menina
    Ora obrigada linda.

    Dois Rios (Inês)
    Que lindo!!!

    A Madrasta Má
    Sua presença é uma dádiva para essa afilhada cansada!Vc sempre será bem vinda e amada por mim. Quanto ao texto, não me incomodo não.Me alegra vc tê-lo apreciado.

    ALUISIO CAVALCANTE JR
    Que bom que gostou!Concordo que somos muitos em um só, e isso não é maravilhoso?

    RESILIÊNCIA
    Talvez essa Fênix aqui, queira apenas renascer, sem essa história de amor rsrsrs

    CARLA FABIANE...
    E vc é um doce de pessoa, que sua luz permaneça pra sempre!

    Milhões de beijos a todos

    ResponderExcluir
  16. Esse poema nasceu do seu coração feminino, cheio de mistérios e de sonhos... lindo, lindo!

    Um beijo, menina linda!

    ResponderExcluir

Me conta tua impressão sobre o que leu, que eu te conto o que tua impressão me causou.

Posts Relacionados